HISTORIANET

Notícias

Greves

Primeiras greves brasileiras foram feitas por escravos, dizem historiadores



Em artigo da revista Brasil História deste mês, especialistas da Bahia e do Rio de Janeiro derrubam mito de que imigrantes europeus foram os primeiros a lutar por seus direitos.




Ao contrário do pensamento comum, um olhar atento para a história mostra que as primeira greves no Brasil foram organizadas por escravos e não pela leva de imigrantes europeus pós-abolição. A revista Brasil História, na edição de maio, revela isso no artigo “As greves antes da 'gréve'”, assinado pelos professores Antonio Luigi Negro e Flávio dos Santos Gomes, respectivamente das universidades federais da Bahia e do Rio de Janeiro.



Segundo os professores, no século XIX, as primeiras formas de suspensão coletiva das atividades ficaram conhecidas como “paredes”, e não gréves, adaptadas do francês, como dita o mito do imigrante radical. “Quando deixamos [a palavra] “greve” de lado, encontramos nos documentos históricos ‘paredes’ feitas por trabalhadores escravos, ou trabalhadores livres negros”, escrevem.

Pesquisar em
1128 conteúdos

Notícias

MASP

Passagens por Paris - Arte moderna na capital do séc. XIX

Notícias

Universidades latinas atraem poucos estrangeiros

Instituições têm melhorado sua presença em rankings internacionais, mas continua

Roteiros de Aula

Ninguém tira Zero

Província elimina nota zero para proteger autoestima de alunos

Notícias

França e Alemanha lembram 100 anos da Primeira Guerra

Presidentes Hollande e Gauck homenageiam mortos nas batalhas e destacam importân

COPYRIGHT © HISTÓRIANET INTERNETWORKS LTDA

PRODUZIDO POR

SOBRE O HISTORIANET