HISTORIANET

Vestibulares

Unesp 2001

1) Dentre os legados dos gregos da Antigüidade Clássica que se mantêm na vida contemporânea, podemos citar:

a) a concepção de democracia com a participação do voto universal.
b) a promoção do espírito de confraternização por intermédio do esporte e de jogos.
c) a idealização e a valorização do trabalho manual em todas suas dimensões.
d) os valores artísticos como expressão do mundo religioso e cristão.
e) os planejamentos urbanísticos segundo padrões das cidades-acrópoles.

alternativa B
Os Jogos, em homenagem aos deuses, representavam um importante laço de confraternização, na medida em que refletia um aspecto cultural comum e de grande importancia para o [povo grego, que politicamente dividiu-se diversas em cidades-estados




2) Há mil anos atrás, em partes da Europa, vigorava o sistema feudal, cujas principais características foram:

a) sociedade hierarquizada, com predomínio de uma economia agrária, que favoreceu intensa troca comercial nos burgos e cidades italianas.
b) fraca concentração urbana, com predomínio da economia agrária sob a organização do Estado monárquico, apoiado pelo clero e pela burguesia.
c) poder do Estado enfraquecido, ritmo de trocas comerciais pouco intenso, uso limitado da economia monetária, predominando uma sociedade agrária.
d) ampliação do poder do Estado, uma sociedade organizada em três camadas -- clérigos, guerreiros e trabalhadores -- e predomínio da economia rural.
e) intensificação da produção agrícola pelo uso da mão-de-obra de servos e escravos, poder descentralizado e submissão dos burgos ao domínio da Igreja.

alternativa C
O controle direto sobre a terra tornou-se o elemento determinante no mundo feudal, a economia era agrária, de subsistência e desmonetarizada; o Estado desaparece e o poder real se enfraqueceu e o comércio exterior ao feudo limitava-se aos grandes senhores e membros do Alto Clero. Nesse período, o papel da Igreja foi de grande importância, como elemento de controle ideológico, tendo grande influência sobre a população.










3) "O tempo das descobertas foi, ainda, o tempo de Lutero, Calvino, Erasmo, Thomas Morus, Maquiavel, ...Leonardo da Vinci, Michelangelo, Van Eyek, da Companhia de Jesus..." (Adauto Novaes, Experiência e destino.) O período e os nomes citados no texto correspondem a:

a) cultura do Renascimento científico e artístico italiano, política Iluminista e Humanista e Contra-reforma religiosa.
b) cultura Iluminista e Renascentista, política do Absolutismo Real e Reforma Presbiteriana.
c) cultura do Renascimento e Humanismo, política Absolutista, Reforma e Contra-reforma.
d) cultura do Renascimento e do Iluminismo, reformas da política Absolutista e difusão do paganismo.
e) cultura do Renascimento artístico e científico, Despotismo Esclarecido e políticas de liberdade religiosa.

alternativa C
O texto retrata características da transição feudo-capitalista, notadamente do início da Idade Moderna, com o aparecimento de uma nova expressão cultural e religiosa.



4) No decorrer dos séculos XVI e XVII, as lutas religiosas na Europa provocaram a separação entre os cristãos, tendo como conseqüências muitos conflitos políticos e sociais. Está associada a esse movimento religioso:

a) a colonização de parte do território do que são, atualmente, os Estados Unidos.
b) a independência das colônias americanas.
c) a instalação da Inquisição nas colônias espanholas.
d) a expulsão dos jesuítas das colônias portuguesas.
e) a ação dos missionários contra a escravidão indígena.

alternativa A
A chamada "reforma protestante" foi responsável pelo fim do monopólio católico sobre a vida religiosa na Europa Ocidental e deu origem a novas religiões cristãs. As disputas político-religiosas que se seguiram ao movimento reformista foi responsável pelo dezsenvolvimento da intolerância, levando milhares de pessoas a fugirem de seus locais de origem, como por exemplo os puritanos e em menor escala católicos ingleses, que se refugiaram na América do Norte, onde fundaram algumas colônias.












5) "Nossa milícia, Senhor, é diferente da regular que se observa em todo o mundo. Primeiramente nossas tropas com que vamos à conquista do gentio bravo desse vastíssimo sertão não é de gente matriculada no livro de Vossa Majestade, nem obrigada por soldo, nem por pagamento de munição." (Carta de Domingos Jorge Velho ao rei de Portugal, em 1694.)
De acordo com o autor da Carta, pode-se afirmar que

a) os bandeirantes possuíam tropas de mercenários, pagas pela metrópole, com o objetivo de exterminar indígenas.
b) havia proibição oficial de capturar índios para a escravização e os bandeirantes pretendiam evitar ser punidos pelos colonos e pelos espanhóis.
c) os exércitos portugueses, organizados na colônia, tinham a particularidade de serem compostos por indígenas especializados em destruir quilombos.
d) algumas tribos indígenas ameaçavam a se-gurança dos colonos e as bandeiras eram tropas encarregadas de transportar os nativos para as reduções religiosas.
e) muitas das bandeiras paulistas eram constituídas por exércitos particulares, especializados em exterminar e capturar indígenas para serem escravizados.

alternativa E
A atividade bandeirante nasceu com o apresamento do indígena, para ser vendido como escravo. Alguns bandeirantes chegaram a ser contratados por fazendeiros do nordeste, para comandar incursões que destruiriam quilombos, como é o caso do prórpio autor do texto, que liderou a investida sobre o Quilombo de Palmares



6) Sobre o processo de independência da colônia portuguesa na América, no início do século XIX, é correto afirmar que:

a) foi liderado pela elite do comércio local, por intermédio de acordos que favoreceram colonizados e a antiga metrópole.
b) a ruptura com a metrópole européia provocou reações e, dentre elas, guerras em algumas províncias, entre portugueses e brasileiros.
c) os acordos comerciais com a Inglaterra garantiam o comércio português de escravos para a agricultura brasileira.
d) a vinda da família real limitou o comércio de exportação para portugueses e ingleses, assegurando o monopólio da metrópole.
e) as antigas colônias espanholas, recém emancipadas, auxiliaram os brasileiros nas guerras contra a metrópole portuguesa.

alternativa B
Em algumas províncias do norte e na Cisplatina, as tropas portuguesas resistiram à emencipação, e foram expulsas através de guerras, normalmente comandadas por mercenários contradados pela elite rural.





7) Nas últimas décadas do século XIX, na Europa, dois países ainda lutavam pela unidade e pela consolidação de um Estado Nacional. Esses países são:

a) França e Itália. b) França e Alemanha.
c) Itália e Espanha. d) Alemanha e Itália.
e) Espanha e França.

alternativa D
Ao contrário de outras regiões da Europa, "Alemanha" e "Itália" não haviam se constituído como nação na Idade Moderna e ainda sofreram as imposições do Congresso de Viena. A exaltação do sentimento nacionalista e a necessidade de constituir mercados internos por parte das burguesias dessas regiões estimularam movimentos pela unificação, que concretizou-se em 1871




8) "Restauração e Antônio Conselheiro tornam- se sinônimos, pois ambos surgem como antípodas de republicanismo e jacobinismo. Os jornais são os maiores veículos desta propaganda imaginativa, de conseqüências trágicas (...)". (Edgar Carone. A República Velha.) A citação relaciona-se a:

a) Monarquismo e Guerra de Canudos.
b) Federalismo e Revolução Farroupilha.
c) Revolução Federalista e Proclamação da República.
d) Deposição de D. Pedro II e Abolição.
e) Guerra do Paraguai e Questão Militar.

alternativa A
A Revolta de Canudos, liderada pelo beato Antonio Conselheiro, que teve caráter messiânico e reuniu milhares de sertanejos pobres, foi acusada de ser um movimento favorável à restauração, ou seja, a volta da Monarquia, recém derrubada



9) A década de 1920 no Brasil foi marcada por expressivos movimentos políticos e culturais. São daquele período:

a) Semana de Arte Moderna e formação da Aliança Liberal.
b) Movimento Tenentista e Convênio de Taubaté.
c) Formação da Aliança Liberal e Campanha da Cisplatina.
d) Fundação do Partido Comunista Brasileiro e Convênio de Taubaté.
e) Campanha da Cisplatina e Semana de Arte Moderna.

alternativa A
A década de 20 foi caracterizada, entre outros as-pectos, por importantes mudanças, denunciando a crise da República Oligárquica. Destacam-se, nesse contexto, as novas manifestações culturais, contrárias a mentalidade europeizante até então predominante; a intensificação do movimento operário; as revoltas tenentistas e a reorganização das elites na Aliança Liberal, se opondo a oligarquia paulista.

10) De forma geral, denominam-se populistas os governos de Juan Domingos Perón (1946-1955), na Argentina, e de Getúlio Vargas (1930-45/1951-54), no Brasil. São características comuns aos governos citados:

a) o atendimento às reivindicações das organizações camponesas, promovendo a reforma agrária e sindicalização de trabalhadores.
b) a implementação de demandas das populações urbanas por maior participação política e independência das organizações sindicais.
c) o nacionalismo e criação de condições para a legalização de inúmeros partidos políticos de esquerda, democratizando a disputa pelo poder.
d) a manutenção das Constituições dos dois países, elaboradas por Assembléias Constituintes, eleitas pelo povo.
e) o estabelecimento de forte intervenção do Estado na economia e ampla mobilização das classes populares urbanas.

alternativa E
Os regimes populistas estão associados aos processos de urbanização e industrialização que deslocam o eixo político do meio rural para o meio urbano, reforçando o discurso industrialista e nacionalista. Os líderes populistas faziam apelos diretos às massas urbanas e procuravam manipula-las através do controle indireto sobre os sindicatos e de uma política assistencialista. O discurso nacionalista era utilizado como fator de coesão e mobilização das massas.


11) Frases como Ninguém segura este País, Ame-o ou deixe-o, O Brasil é feito por nós, veiculadas através de cartazes, adesivos e documentários de televisão e cinema e o uso político da marchinha Prá frente, Brasil, que marcou a conquista do tricampeonato mundial de futebol pelo Brasil, expressam:

a) euforia nacional pelas conquistas democráticas, asseguradas pela Constituição de 1967.
b) incentivo à abertura política democrática, que levou à anistia de presos e exilados políticos.
c) comemoração nacionalista pela vitória dos países Aliados na Segunda Guerra Mundial.
d) campanha de integração nacional da ditadura militar, no chamado "milagre econômico".
e) mobilização dos meios de comunicação, para comemorar a inauguração de Brasília.

alternativa D
A propaganda política a qual refere-se o texto esta associada ao governo Médici, durante o período de ditadura militar no Brasil. Considerado como "neopopulista", Médici impôs violenta repressão a sociedade e procurou encobri-la com o estímulo ao ufanismo nacionalista.






12) A necessidade de integração regional de países latino-americanos, para enfrentar os grandes blocos econômicos mundiais, resultou na criação do Mercosul, no início da década de 1990. Indique os países que participaram dessa tentativa de integração.

a) Paraguai, Argentina, Brasil e Peru.
b) Peru, Paraguai, Brasil e Chile.
c) Brasil, Argentina, Chile e Uruguai.
d) Uruguai, Brasil, Paraguai e Bolívia.
e) Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai.

alternativa E
O Mercosul reúne até então 4 países e pretende ampliar-se, formando um bloco econômico na América do Sul.

Pesquisar em
1128 conteúdos

Notícias

MASP

Passagens por Paris - Arte moderna na capital do séc. XIX

Notícias

Universidades latinas atraem poucos estrangeiros

Instituições têm melhorado sua presença em rankings internacionais, mas continua

Roteiros de Aula

Ninguém tira Zero

Província elimina nota zero para proteger autoestima de alunos

Notícias

França e Alemanha lembram 100 anos da Primeira Guerra

Presidentes Hollande e Gauck homenageiam mortos nas batalhas e destacam importân

COPYRIGHT © HISTÓRIANET INTERNETWORKS LTDA

PRODUZIDO POR

SOBRE O HISTORIANET