HISTORIANET

Notícias

A voz do professor

Alterações na voz dos professores devem ser investigadas

 

 

Recentemente, o SINPRO-SP realizou uma enquete com os professores que investigou a presença de dores corporais e problemas de voz. A maior parte deles (80,8%) relatou queixas vocais durante o exercício profissional.

 

O questionário foi respondido por 340 professores, que apontaram a presença de 7,5 dores, sendo que a mais frequente foi dor na garganta (90,8%).

 

As dores questionadas foram: dor na articulação têmporomandibular (ATM), na língua, na garganta, na nuca, nos ombros, no pescoço, para falar, dor nos braços, nas costas/coluna, no peito, nas mãos, nos ouvidos e dor de cabeça.

 

Preste atenção

 

Você também tem percebido dores na garganta e alterações na voz? Mesmo que não sinta nada, agende uma avaliação vocal no SINPRO-SP e aprenda a cuidar melhor do seu principal instrumento de trabalho: A VOZ.

 

Saiba mais sobre o Programa de Saúde Vocal do SINPRO-SP e confira dicas para o seu bem-estar vocal.

Pesquisar em
1124 conteúdos

Notícias

França e Alemanha lembram 100 anos da Primeira Guerra

Presidentes Hollande e Gauck homenageiam mortos nas batalhas e destacam importân

Livros

O capitalismo como religião

apresenta um recorrido por ensaios do filósofo Walter Benjamin, organizado e int

Notícias

Série refaz a trajetória de líderes da Segunda Guerra

'Guerras Mundiais', que estreia no History Channel, mostra a participação de Hit

Notícias

Vou passar no ENEM

Acompanhe as orientações e dicas para enfrenar esse desafio

Enquete

Você, que fará o vestibular / ENEM neste ano, seguirá para a área:




Desafio Histórico

Atenienses e Espartanos são comparados e se destacam principalmente as diferenças. Pode-se considerar como ponto comum entre os dois povos:



COPYRIGHT © HISTÓRIANET INTERNETWORKS LTDA

PRODUZIDO POR

SOBRE O HISTORIANET